Equinos App

1 2 3 4 5

Amadrinhamento

Como conseguir a atenção de seu cavalo

Seu cavalo fica agressivo e perde a atenção toda vez que é separado dos companheiros? Aprenda como agir em situações como essas.

Durante um passeio com um amigo, no momento em que o outro cavalo desaparece além da próxima curva, seu cavalo fica agitado e enfurecido, insiste em acompanhar o outro animal. Dança e relincha com a perda do companheiro. Será que ele não entende que o outro cavalo já vai voltar? E por que ele não sabe apreciar um pouco de independência?

Antes de convencer-se de que seu cavalo é tolo, saiba que a ansiedade de separação não é um indicador de ignorância eqüina, mas sim um padrão habitual de comportamento em cavalos. Muito natural numa criatura com forte instinto de ida em grupo. Porém, se os ataques de ansiedade de seu cavalo estão saindo do controle, esta na hora de dominá-los. Você deve fazer isso, antes que ele o derrube num passeio ou cause algum incidente numa prova ou exposição.

Resumidamente, o que você fará e habituar seu cavalo a ser separado dos outros animais através de uma série de exercícios progressivos. Seu cavalo irá concentrar-se em você, ficando longe da distração do “amigo sumido”, logo, estará sendo separado dos outros cavalos sem problema algum.

A SOLUÇÃO

Em primeiro lugar, é preciso entender os sentimentos do cavalo ao ser separado dos outros animais para depois compreender como funciona a solução que será apresentada a este problema.

O cavalo pertence a uma espécie que evoluiu para sobreviver numa estrutura de rebanho, ele esta “programado” para depender de outros cavalos, não apenas para companhia, mas também para sua própria segurança. mesmo que o cavalo pareça desprezar o companheiro de passeio quando em casa, no momento em que eles estiverem em território desconhecido, começarão a se comportar como amigos inseparáveis, pois o instinto os faz ficarem juntos, mais do que isso, quando o outro cavalo desaparece de vista, o seu pode - de fato — acreditar que nunca mais voltara a ver o “companheiro de manada”!

Para superar este comportamento instintivo do seu cavalo, você terá que empregar treinamento específico e planejado para conseguir uma resposta condicionada. Esta solução envolve e ensinar ao cavalo a aceitar a separação, através da prática repetidas vezes. No fim da sessão, Os dois cavalos terão sido separados tantas vezes que não mais lhes parecera grande coisa. Além disso, à medida que ele presta atenção em seus comandos, seu cavalo estará com a atenção extremamente focalizada em você, ao invés de no outro cavalo (ou no ambiente). Isto fará com que o cavaleiro, e não o instinto, fique no comando.

LIÇÃO

A lição em si e muito simples: você estará montando com um amigo e solicitara ao seu cavalo que se afaste do outro, um pouco por vez. À medida que seu cavalo começa a se afastar sem reagir violentamente, você gradativamente irá aumentar a distância e duração da separação. Depois de um período de muitas repetições, o cavalo respondera instantaneamente aos seus comandos e se acostumará a estar separado dos amigos.

Veja algumas importantes premissas básicas do treinamento:

- Ande a cavalo em local adequado. Para ter sucesso no treinamento, o cavalo precisa ser trabalhado num local onde ele possa ficar relaxado e capaz de concentrar-se em você ao longo de toda a sessão, portanto, ao invés de separar seu cavalo do outro e tentar faze-lo concentrar-se quando ele está em pânico, comece esta lição com o cavalo do seu parceiro ainda ao lado do seu.

- Fique com o controle o tempo todo. Se seu cavalo não compreende comandos básicos tais como fazer alto, dar voltas e diminuir a velocidade, pode ser que você esteja se precipitando ao levá-lo para um ambiente desconhecido e separá-lo do seu companheiro de manada. Neste caso, trabalhe apenas numa área em que você possa ficar em controle. E primeiro ensine-lhe os comandos básicos que possibilitem este controle.

- Mantenha-o calmo. Seu cavalo será capaz de concentrar-se em você e em seus comandos apenas se ele estiver relaxado. Não fique irritado, mesmo se ele entrar em pânico. Se você perder a calma, apenas fará aumentar a ansiedade de seu cavalo e a lição se tornará muito mais difícil.

- Atue de maneira consistente. Isto quer dizer que você precisa aprender a concentrar-se durante cada sessão de treinamento. Quando você aplica um comando específico - por exemplo - erguer uma rédea para fazer o cavalo se afastar você precisará aplicá-lo de maneira exatamente igual em todas as vezes, para que o cavalo possa compreender o significado exato do comando.

Uma vez que seus comandos forem consistentes, as respostas do cavalo também o serão. Eventualmente, ele também estará se concentrando, esperando para saber qual a próxima coisa que você irá lhe pedir. A concentração do cavalo é o objetivo final de qualquer sessão de treinamento, pois é isso que lhe dá controle sobre um animal que tem muito mais força do que você. Nesta lição em especial, a concentração do cavalo significa que ele mal irá perceber quando o outro cavalo for desaparecer.

- Repetição. Finalmente, considere que qualquer treinamento recebido por seu cavalo não apenas envolverá repetição, como também irá requerer revisões e prática de tempo em tempo, para que a resposta desejada se torne um hábito. Mesmo depois que você já tiver sido bem-sucedido com esta ou com qualquer outra lição, sempre planeje tempo suficiente para revisões e práticas adicionais, antes que você saia para um passeio, ou competições. Não espere de seu cavalo que ele relembrará para sempre algo aprendido uma única vez.

Para executar esta lição, você precisa de um amigo com um cavalo calmo e obediente, bem como uma área suficientemente ampla. Se o seu cavalo tem este problema em competições, você poderá pensar em transportá-lo e o cavalo auxiliar a uma hípica ou centro de treinamento vizinhos.

Se o cavalo sofre de ansiedade mesmo em casa, pratique perto das cocheiras. Será ideal se você puder incluir algum tipo de “obstáculos”, tais como vegetação, carretas ou edificações, em volta dos quais você possa andar para separar um cavalo do outro. Use um bridão para que você possa usar as duas mãos nas rédeas, para aplicar pressão direta nas rédeas toda vez que você solicitar uma curva ou volta ao cavalo.

O PROCEDIMENTO PASSO-A-PASSO

1 - Comece montando ao lado de seu amigo. Como permanece dentro da zona de conforto, seu cavalo estará calmo e relaxado, o que significa que ele será capaz de prestar atenção em você com mais facilidade no início da lição. Ande ao passo com calma, na rédea longa.

2 - Enquanto seu parceiro faz o mesmo, erga a rédea externa, solicitando aos cavalos que se afastem um do outro num círculo pequeno, (um para a esquerda, o outro para a direita).

3 - Após descreverem um círculo pequeno, voltem a aproximar seus cavalos, até que eles tenham voltado a andar lado a lado. Repita este exercício em círculo por muitas vezes, até que o cavalo instantaneamente responda ao comando da rédea externa, cedendo facilmente à pressão, e descendo a cabeça ao executar a volta.

Uma vez respondendo desta maneira, comece aos poucos a aumentar o tamanho do círculo, porém evitando sempre que o cavalo fique ansioso. Se ele resistir ao comando para fazer a volta, Levantando a cabeça, ou agitando a cauda, provavelmente você está tentando progredir rápido demais, devendo repetir os círculos pequenos antes de progredir para os grandes. É possível que você precise fazer milhares de círculos, ao longo de muitas sessões de treinamento, antes que seu cavalo esteja pronto a se separar do companheiro; seja paciente e persistente.

Uma vez que ele esteja respondendo em círculos maiores, sem resistir ou se tornar ansioso, você estará a caminho de ter a atenção completa de seu cavalo. Agora comece a pedir altos, transições, ou outros exercícios básicos, enquanto você se afasta de seu parceiro. Ao fazer isto, você estará aprofundando a atenção do cavalo em você, afastando-o da distração da partida do outro cavalo.

4 - A seguir, aumente a intensidade da separação, caminhando os cavalos em lados oposto de um obstáculo que obstrua a visão entre ambos, tal como um grupo de árvores. Já que o cavalo começou a aceitar a separação através dos exercícios anteriores, ele deverá aceitar com relativa facilidade a rápida interrupção do contato visual. Se ficar ansioso, levantando a cabeça, retesando as costas, ou começando a sapatear, volte ao trabalho anterior, até que ele baixe a cabeça e relaxe, depois volte a andar em volta do obstáculo.

Quando seu cavalo aceitar estas separações breves com uma atitude calma e obediente, você poderá gradativamente começar a aumentar o tempo de separação, andando cru volta de obstáculos cada vez maiores, e separando mais os cavalos entre si.

5 - Inicialmente, seu cavalo irá querer procurar o outro uma vez que este esteja fora do alcance visual e ficará aliviado ao vê-lo reaparecer, do tipo “graças a Deus que você está de volta!”

6 - Entretanto, se você repetir este tipo de separação por muitas vezes, mesmo este tipo de reação irá desaparecer. Não apenas seu cavalo irá se tornar indiferente quanto ao desaparecimento do amigo, como ele quase nem se dará conta do seu reaparecimento!


Fonte: Arquivo Revista Horse Business
Edição: Claudia Leschonski

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Twitter

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *